25 julho 2011

Novidade: Desmatamento na Amazônia

Amazônia Legal soma 99 km² de área desmatada em junho. Fonte: OEco
O interessante é que conseguem identificar e medir com exatidão as áreas desmatadas, mas ninguém consegue impedir ou parar com a devastação...Por que será???

13 julho 2011

Blumenau Norte Shopping

Pra quem ajudou na elaboração da reivindicação a respeito da retificação de ribeirão feita pelo Blumenau Norte Shopping durante as obras de implantação do empreendimento, fica o sincero agradecimento e uma recompensa prévia: o requerimento foi aprovado na câmara.

Para ler acesse http://www.camarablu.sc.gov.br/imprensa/?p=5453 , aperte Ctrl + F e digite Nº 512/2011.
Entrei também em contato com a FATMA via internet pedindo esclarecimentos.

Agora é esperar mais um pouco e ver o que os responsáveis tem a dizer.

26 junho 2011

Que merda eim?!

Bati essa foto em Itapema no último sábado (25/07):

Se não bastasse o córrego de esgoto desembocando no mar, ainda há dúvida sobre a balneabilidade do lugar... Alguém se arrisca?

22 junho 2011

Salada é saudável???

O Brasil é o maior consumidor de agrotóxicos do mundo. Segundo o Ministério da Agricultura, só em 2009 foram cerca de 800 mil toneladas de produtos químicos usados nas lavouras. O que faz com que, em média, cada brasileiro consuma indiretamente, 5 litros de veneno por ano. E os males provocados por esses produtos são ainda maiores quando são falsificados e vendidos sem registro. No site do Ministério é possível consultar a lista dos produtos legalizados. As denúncias de irregularidades podem ser feitas pelo telefone 0800 904 7030. A ligação é gratuita (Fonte : NBR NOTÍCIAS - 14/6/2011)
Solução? Compre alimentos orgânicos...Não adianta economizar em comida e depois gastar em remédio...

20 junho 2011

Urbanização Insustentável

Sem dúvida alguma urbanizar uma praia como estão fazendo em Itapema é ótimo pro turismo, pro meio ambiente e pro desenvolvimento da cidade:
Que beleza eim? Pra que conservar a faixa de areia e a vegetação nativa se é tão bom ir pra praia e sentar em pedras né? ¬¬

15 junho 2011

Enquanto discutimos Belo Monte...

Um túnel de 3.200 metros na Bélgica, construído para proteger trens da queda de árvores vizinhas, foi recoberto por 16 mil painéis solares. A energia elétrica que eles produzem é equivalente a um dia de consumo de todos os trens da Bélgica, e ainda ajudará o suprimento da estação de Antuérpia.
Leia mais em: http://www.oecocidades.com/

10 junho 2011

Mesa redonda discuti políticas públicas para o uso de sacolas plásticas

Nesta terça-feira (07/06) ocorreu no auditório do SENAI Blumenau uma mesa redonda tendo em vista debater políticas públicas para o uso de sacolas plásticas no município. O evento faz parte do calendário da Semana do Meio Ambiente 2011.

Fizeram parte da mesa de debates a Coordenadora do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental do SENAI Blumenau, a Profª Drª Maria Aparecida de Souza; a coordenadora do Núcleo de Gestão Ambiental da ACIB, Drª Geovani Zanella; a Analista de Marketing da Cooper, Tatiani Buschirolli; o Tecnólogo em Gestão Ambiental, Raphael de Souza e Silva e, como mediador dos debates, o Dr. Nicolau Cardoso Neto, professor do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental do SENAI e representante da OAB de Blumenau.

Resultados?

Creio que o principal benefício resultante do debate foi a aproximação da comunidade com os principais atores sociais envolvidos nos projetos de substituição das sacolas. Assim, aos poucos, não somente as sacolas tendem a ser abolidas, mas inúmeros outros projetos de preservação terão mais força em Blumenau...

02 junho 2011

O futuro começa a aparecer....menos no Brasil

Enquanto no primeiro mundo:

- A decisão da Alemanha e fechar suas 17 usinas nucleares até 2002 foi a repercussão mais forte do desastre nuclar de Fukushima.

- O Japão, o principal atingido, decidiu que não mais construirá novas usinas e que vai satisfazer a nova demanda de energia com fontes alternativas.

No Brasil:

- Licenciamento do Ibama para construção de Belo Monte foi liberado.

"Tá legal que energia hidrelétrica não polui,
mas até a Amazônia querem concretar?
Quando é que o país com um dos maiores índices de
incidência solar vai deixar de pensar de maneira subdesenvolvida
e desenvolver uma base tecnológica sustentável?"

27 maio 2011

E assim se extingue um movimento...

Zé Cláudio e Maria do Espírito Santo da Silva,

Dorothy Stang (07/06/1931 - 12/02/2005) e

Chico Mendes (15/12/1944 - 22/12/1988)...

Quantos ainda terão de morrer para que o Brasil comece a explorar o potencial econômico da Amazônia de maneira racional?

Entenda em: http://inovacao.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-23942006000500018&lng=es&nrm=iso

26 maio 2011

Transporte Coletivo...

Transporte Coletivo de qualidade e barato = menos veículos nas ruas. Mas não parece ser essa a filosofia da Prefeitura de Blumenau.

Adianta fazer corredor de ônibus e deixar o preço da passagem subir absurdamente? Ainda bem que o Movimento Estudantil está presente...

Assista em: http://qik.com/video/40431387
Leia mais em: http://www.blumenau-allesblau.com/?p=9309

24 maio 2011

Sobre as obras da Foz do Brasil...

No contrato de concessão firmado entre a Foz do Brasil e a Prefeitura está escrito:

Cláusula 26: Direitos e obrigações da Concessionária:

26.3. A CONCESSIONÁRIA deverá se empenhar para evitar transtornos aos seus usuários e à população em geral, na operação do serviço de esgotamento sanitário, devendo imediatamente após o término das obras ou serviços necessários ou, se possível, quando da execução destes, criar condições para a pronta abertura total ou parcial do trânsito aos veículos e pedestres nas áreas atingidas, num prazo máximo de até 3 dias após a conclusão dos serviços.

26.3.1 Os locais acima referidos, uma vez abertos ao trânsito de veículos e pedestres, devem estar em perfeitas e adequadas condições de uso, respeitadas as posturas e normas do MUNICÍPIO.

No papel é bonito, mas foram inúmeras as reclamações relacionadas à qualidade do asfalto após as obras de esgotamento até o momento, e agora é a nossa vez... Vejam como ficou a ciclovia da Rua Joinville:


E o detalhe é que na Rua Itajaí a Prefeitura ajudou na reconstrução... Mas se a obrigação é da concessionária, porque o nosso dinheiro está indo para as obras???

20 maio 2011

Roedor dado como extinto reaparece depois de 113 anos

Não costumo comentar sobre bichos ou árvores específicos aqui no blog pra não parecer ecochato, mas nesse caso abro uma esseção...
Se o Ratinho (do SBT, não da foto) ver isso, vai querer fazer teste de DNA pra provar que é o pai do Hamtaro... Aí depois o Gugu vai contar uma história sensacionalista de como os dois se separaram e levantar a audiência...

E enquanto o brasileiro se emociona com a história
adivinha o que acontece no resto do país?


Clique aqui e descubra...

18 maio 2011

Faxina Sustentável - mais barata e ambientalmente correta

Água, limão, vinagre, sal e bicarbonato de sódio: com esses cinco ingredientes é possível preparar praticamente todos os produtos de limpeza que você precisa no dia-a-dia.

Quer entender como? Acesse:
http://www.oecocidades.com/2011/05/17/ecofaxina-iv-faca-voce-mesmo-produtos-de-limpeza-ecologicos/

17 maio 2011

Infelizmente é verdade...

"Não basta ser ou parecer honesto, é preciso demonstrar na Justiça que se é honesto..." Disse Marina Silva em resposta as recentes acusações do Deputado Aldo Rebelo.

Infelizmente no Brasil tal afirmação é verídica, visto que políticos honestos ainda são a minoria. Mas não podemos generalizar...



Vote consciente, cobre constantemente...



15 maio 2011

Desperdício de alimentos...

O mundo joga fora um terço dos alimentos que produz, uma perda equivalente à metade da produção de grãos no planeta. Esta foi a conclusão de uma pesquisa encomendada pela FAO, agência da ONU para agricultura e alimentação... Fonte: Blog do Gabeira.

Enquanto isso o Brasil vota um novo Código Florestal visando aumentar a produção agrícola...


Como solucionar? Consuma produtos locais, o que além de trazer desenvolvimento econômico à sua região, evitará perda de alimentos durante o transporte e evitará o desmatamento para plantações de monoculturas.

13 maio 2011

Sacolas Plásticas

Saiu no Jornal de Santa Catarina de hoje (13/05/2011):

Muitas vezes já me perguntei a mesma coisa, mas parece que alguns vereadores empacotaram o projeto de lei e jogaram num lixão... Agora deve levar muuuitos anos até que esse plástico comece a se decompor e o debate volte a acontecer....

Esgotamento sanitário...e o industrial?

Uma imagem vale mais do que mil palavras, certo? Sendo assim, vejam a foto abaixo que retirei da coluna do Valther Ostermann no Jornal de Santa Catarina:

Do que adianta ter esgotamento sanitário se as indústrias locais continuarem sem tratar corretamente seus efluentes? Se a Prefeitura Municipal concedeu a exploração do esgoto à iniciativa privada (que vai cobrar bem por isso), então que ela (através da FAEMA) cobre um pouco mais das empresas...

05 maio 2011

Educação Ambiental?

IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) de Blumenau - um dos melhores do Brasil:


Enquanto isso são retiradas 60 toneladas diárias de lixo do Rio Itajaí-Açu em Itajaí. Lixo este proveniente de todo o Vale. Fonte: http://www.clicrbs.com.br/especial/sc/jsc/19,6,3296857,Rio-Itajai-Acu-acumula-montanha-de-lixo.html

Que educação é essa que não é aplicada no dia-a-dia? Eduque com exemplos..

O novo Código Florestal Brasileiro

Sem maiores delongas, faço minhas as palavras de Fernando Gabeira:


"A tendência de polarização entre ruralistas e ambientalistas prevaleceu. É uma pena porque há um amplo potencial de entendimento. Ninguém pode ser contra os produtores que plantam alimentos para o país. O que se coloca apenas é um procedimento que garanta aos filhos e netos desse produtor a possibilidade de continuar produzindo no mesmo lugar. E também técnicas que não estigmatizem o produto brasileiro no exterior, por falta de respeito ao meio ambiente."

14 abril 2011

Coréia do Sul lança programa de incentivo a compras verdes



E se você ganhasse pontos no cartão de crédito cada vez que optasse por um produto ou serviço sustentável? Na Coréia do Sul isso já é possível. O país asiático começou a oferecer “créditos verdes” para os consumidores que adotam um estilo de vida de menor impacto ambiental. Os pontos acumulados podem ser trocados por dinheiro ou revertidos em desconto no valor das contas de água e luz.


Participar desse programa é muito simples. Basta ter em mãos um cartão de crédito com os “chips verdes” emitidos pelo Ministério do Ambiente. A partir de então, o consumidor já começa a acumular pontos. Na lista de produtos com certificação ecológica que participam do projeto encontram-se eletrodomésticos, eletrônicos, móveis, alimentos e produtos de limpeza. Quem utilizar pagar o transporte público com esse cartão também ganha pontos, assim como quem descartar corretamente pilhas e baterias usadas e levar plásticos para locais de reciclagem credenciados. A iniciativa faz parte de um programa do governo que pretende reduzir em 30% as emissões de gases estufa no país até 2020.


Em Seul, capital do país, também está sendo lançando um cartão de milhagem ecológica. Com ele, o consumidor acumula milhas conforme sua economia de eletricidade e água e tem seus pontos revertidos em descontos na compra de carros híbridos e eletrônicos certificados – projeto que conta com a parceria em grandes empresas como a Hyundai Motors e a Samsung Eletronics.


Mas não é só na Coréia do Sul que se pode encontrar cartões de crédito com uma “pegada” verde. O HSBC de Hong Kong, na China, lançou um plano em que cada vez que o consumidor utiliza o seu Green Credit Card, uma pequena porcentagem do valor gasto é destinada a projetos ambientais. Ao adquirir esse tipo de cartão, o cliente do banco recebe descontos na compra de produtos e serviços sustentáveis e contribui para a redução do consumo de papel da empresa, já que só recebe faturas eletrônicas. O Bank of America também possui práticas parecidas. O cliente pode escolher cartões que rendem doações a instituições como Defenders of Wildlife, Sierra Club, Nature Conservancy, Brigther Planet, entre outras.


Fonte: http://www.oecocidades.com/



Um bom exemplo à ser seguido...

08 abril 2011

Morte ao Tamarindo

Já faz um tempo que o foco das notícias relacionadas à preservação ambiental em Blumenau é o Tamarindo localizado próximo a ponte Vilson Kleinübing, ou, ponte do tamarindo, como é popularmente conhecida. Com sinceridade, toda vez que leio algo nesse sentido me pergunto "porque"?

Enquanto inúmeras obras em Blumenau vem derrubando espécies nativas em áreas de preservação permanente, como matas ciliares, colocando em risco a população próxima à estes locais, o movimento ambientalista foca suas ações na proteção de uma espécie exótica. Sim, exótica pois o tamarindo não é uma espécie tipicamente brasileira...

Sinceramente, mesmo levando em consideração que foi uma árvore plantada pela filha de Fritz Muller e todo seu valor histórico-cultural, toda essa preocupação com um único espécime não é justificável, e apenas servirá para rotular as poucas pessoas preocupadas de fato com o desenvolvimento sustentável de Blumenau como "ecochatos e afins".


Morte ao Tamarindo!!!

07 fevereiro 2011

Sobre a Usina Hidrelétrica de Belo Monte..

Buenas amigos,

hoje, dia 08 de fevereiro de 2011, estamos vivendo o 3326º dia do século 21 (se não errei nos cálculos), pelo menos em data, pois no que diz respeito à progresso o Brasil parece carregar ainda um conceito de desenvolvimento um tanto quanto "atrasado" eu diria. Por que?
Entenda em: http://www.youtube.com/watch?v=K-seAAIsJLQ&feature=player_embedded


Sim, energia hidrelétrica provém de fontes renováveis, mas se já não bastassem os problemas de deslizamentos, enchentes e enxurradas recentemente ocorridos em diversas cidades do país (incluindo aí Blumenau), agora querem concretar até áreas preservadas da Amazônia (que pode resultar em sérios prejuízos à biodiversidade). Quando é que o Governo irá estimular a exploração de energia eólica e solar?


Segundo Sergio Colle, coordenador dos Laboratórios de Engenharia de Processos de Conversão e Tecnologia de Energia (Lepten), da Universidade Federal de Santa Catarina “A indústria nacional produz cerca de 800 mil m² de coletores solares planos baseados em concepções primitivas, copiadas dos primeiros coletores solares da década de 20”, e completa dizendo que "Estamos na idade da pedra polida em desenvolvimento tecnológico de energia solar.”

Dá pra entender?

10 janeiro 2011

Quanto vale a educação?

Buenas amigos,

há uma consulta pública sobre um projeto de lei no senado que prevê o pagamento de 14º salário para professor. Eis uma grande oportunidade para melhorarmos a educação no Brasil.

Aos interessados segue o link da votação, repassem!

http://www.senado.gov.br/noticias/OpiniaoPublica/votar_enquete.asp